Vivendo perigosamente

Pois é, para arriscar a vida tem gente que faz de tudo: pula de pára-quedas, Bungee jumping, pratica tiro ao alvo, viaja pra África, enfim… todo mundo tem seu jeito de se arriscar. Pessoas menos providas de experiências, digamos assim, possuem uma forma singular de fazê-lo:

É ex-tremamente arriscado fazer isso, não corram para os shoppings mais próximos para tentar! Fica a dica para o pessoal da melhor idade também: ao invés de tentarem fazer coisas como: isso e isso, fiquem em casa… tricotem… coloquem uma cadeira na rua, fofoquem… reclamem de tudo e de todos, pelo menos assim coisas como essas não param por aqui. xD, vão para uma academia, pratiquem esportes com mais segurança e vivam a vida!

Anúncios

Loucura

Ao longo da história a loucura já foi vista como intervenção divina, mau presságio. Hoje se concebe a loucura como um estado, alterado quimicamente, do cérebro humano. Ou seja: não é culpa de um louco ser louco, ele o é porque teve seu comportamento químico alterado (salvo quem usou drogas e teve e sofreu conseqüências devido as mesmas);

Em nossa sociedade, e na maioria das sociedades do mundo de hoje, a loucura também é concebida por qualquer comportamento fora do ‘bom senso’ daquela sociedade em particular. Exemplo:

Para os espartanos os persas quererem fazer o que eles faziam em suas terras era loucura: roubar, saquear, dominar, consumir, escravizar. Mas para os persas, matar mensageiros que era loucura.

Ser emo também é considerado loucura para alguns (para mim é baitolagem);

Até quem toma coca-cola pode ser considerado louco (ou suicidio);

Negar prazeres como o da carne (comer carne) é loucura para vegetarianos, mas ser vegetariano é loucura para um bom humano normal;

Não beber (ingerir álcool) é loucura para um universitário, mas é sabedoria para alguém que tem medo de seus efeitos;

A se pensar são pouquíssimas as coisas que podemos parar para comentar e dizer: isso é loucura!!! Em qualquer sociedade, em qualquer tribo, para homens, mulheres, baitolas, sapatas e até para eunucos.  Algumas delas pude citar abaixo:

Comer uma jumenta (ser nélio) é loucura;

Achar que galvão bueno sabe alguma coisa sobre futebol, vôlei, formula 1, ou qualquer outro esporte que ele venha a narrar é loucura!;

Ter inveja disto é loucura (ou desespero);

Pensando bem tudo é loucura. Perder meu tempo muito precioso , apesar de não está fazendo nada, postando isso é loucura. Escrever um post sobre loucura e não saber como terminá-lo também é loucura… AAAHHH!!!!!!!!

Suuuuceessoo!!!

Como sempre gostamos de fazer, trago aqui a mais nova e sensacional sensação do momento. Está bombando em todas as escocas católicas boates e igrejas casas de show da terrinha (outro lado do mundo… aquele povo que tbm fala português). Bem vai com vocês: Irmã Sofia!!!

eu só digui uma coisa!! vai fazer mais sucesso que Ratadoudou!!

É cilada bino!!!