A empregada doida!

Ri muito com a imagem! Não tenho nem palavras para descrever a quantidade de coisa engraçada nessa imagem!
Cuidado para o bebê não nascer morto!

Zumbi: A Origem

Bem, diferente dos zumbis apresentados neste post, o TarrasCão não morreu!!

É curioso que tantos já tenham assistidos vários filmes sobre zumbis, mas poucos saibam como tudo começou!

Bem, foi em uma terra distante (Haiti) e num tempo, ha muito, passado(1932).

Além do título, do lugar e da época existem fatos interessante sobre essa produção:  O personagem principal transformava as pessoas  em trabalhadores zumbis com a ajuda de uma poção. O filme rendeu uma seqüência: Revolt of the Zombies (“Revolta dos Zumbis”), de 1936.

Poções e professores malucos, esse foi o perfil de filmes sobre zumbis até 1968, quando os cadáveres putrefatos ganharam sua chance: “cérebros!!”, em Noite dos Mortos-Vivos, que teve duas seqüências e uma delas, Zombie, Despertar dos Mortos (1978), foi refilmada com o nome de Madrugada dos Mortos (2004).

O interessante é que nesses filmes ninguem chama os zumbis por ‘zumbis’. Não havia nada como: “meu deus! Os zumbis querem meu cérebro!!!” Isso não aconteceu por acaso, os criadores queriam passar a ideia de ‘ninguem sabe o que está acontecendo!”

Bem, é engraçado como filhos pródigos tendem a voltar! Pois é, pode parecer que não, mas filmes zumbis voltaram ao perfil de poções mágicas! Bem… não mágicas… nem poções… Mas em forma de contaminação viral, uma vez que é menos impossível um monte de gente se contaminar (enquanto vivos) do que um monte de cadáveres se levantarem do chão e gritarem “cérebro!” (a saber Resident 1 2 3 e 4, Eu sou a Lenda, Extermínio 1 e 2 (o 2 é uma bosta) e REC – interessante – são todos por contaminação viral)

É isso ai. Na sequencia (qualquer horário livre daqui pro natal) vem o restante do post. Mais curiosidades, jogos e coisas de zumbi! Além de comentários sobre os zumbis mais bem produzidos (os filmes… quis dizer) (os hiperlinks serão adicionados aos poucos)

Zombieland!!

Bem, ainda não chegou ao brasil (deve chegar em dezembro), mas ai vai a dica de um bom filme sobre zumbis…

Ao contrário do que muitos acham, zumbis nunca saem de moda! Nunca deixam de ser ‘bons’ filmes… seja qual for a derivação científica para o significado do ‘mode zumbi’ (seja Resident Evil, Extermínio, Eu sou a lenda ou A noite Mortos Vivos)

estréia

O importante é você estar preparado! Existem regras claras de como se comportar diante uma ameaça zumbi e você não precisa ser nem um Will Smith para conseguir ‘matá-los’!

Fonte de conhecimento: link

1) Não seja mordido

2) Não fique sozinho

3) Sempre mire na cabeça

4)Não tente salvar ninguém: salve-se primeiro!

Por onde anda belchior??

Muito se falou do Belchior. Ninguém sabe para onde ele foi, quando exatamente sumiu e quando (ou se) vai voltar. Nós, do Tarrascão, encontramos uma pista de onde Belchior possa estar!!

Belchior

Ele não foi encontrado se drogando ou em qualquer outro estado deplorável da vida… Muitos acham que ele se exilou para produzir um novo álbum ou uma exposição de arte (para quem não sabe, ele também pinta). Mas não foi nada disso! Ele foi encontrado batendo ferro numa pequena e remota cidadezinha.

Esta é uma filmagem (TOTALMENTE EXCLUSIVA!!!) feita no ultimo final de semana: link. A filmagem foi realizada no vilarejo Truce, que fica no reino de Guardia, no ano de 1000 A.D (Uma terra extrangeira, de difícil acesso).

Testemunhas afirmam que ele está usando o nome de Melchior, no lugar de Belchior. O que parece ter dificultado as tentativas das autoridades locais em contacta-lo.

Nosso correspondente local estará em alerta para surgimento de novas evidências do paradeiro de Belchior!

Assim não pode… assim não dá!!

Pois é… estamos todos muito atarefados com monografias, dois cursos, projetos, filhos e até vadiagem aleatórias também, por isso a falta de posts no blog… Mas agora não dá mais!
Não é comum, para mim, falar de política no blog… mas já tá de mais! Ontem ao assistir aos jornais me deparei com o cúmulo do ridículo e dá ridicularização:
Como é que depois de todas as comprovações de delitos cometidos no senado, delitos cometidos pela ministra e pelo próprio lula (ao abafar tudo) um Senador, ex-presidente do Senado, abre a boca (sem nem um constrangimento ou noção do atestado de SAFADO que está prestes a passar) pra falar: “Se estão atrás de um santo, não vão achar”. ? Como pode?! COMO??!!

E tudo isso porque sugeriram uma comissão de ética em que os integrantes “não pudessem ter processos criminais, nem terem respondido ou estar respondendo por improbidade administrativa ou ter tido as contas rejeitadas pelo Tribunal de Contas.”

Cartão vermelho para o presidente do Senado

Cartão vermelho para o presidente do Senado

De fato: acho que querer isso que é o grande crime. Um absurdo para uma comissão de ética! Como um país pode exigir de seus senadores um pouco de honestidade? Como pode cobrar de uma comissão de ética TER ÉTICA! Nosso país está de cabeça para baixo! Onde estão aqueles tempos, em que todos roubavam e ninguem reclamava? Era bem mais fácil para o governo… -saudades…

Eu faço das palavras de Suplucy as minhas: “cartão vermelho ” para o Senado Garibaldi Alves, para Lula, para a ministra, para  José Sarney. E das do ex-presidente do Brasil , FHC, também: Assim não pode… assim não dá!!

(Algumas coisas podem ser vistas aqui: link)

– e pra quem tiver retardo mental, eu usei ironia em alguns trechos do post…

[Nostalgia] Muppets Baby

Estava eu, procurando músicas para acalmar a minha filhinha (o que foi sensacional, pois todas as bandas do mundo possuem uma versão ‘for babies’, que são as musicas com melodia de ‘nana-neném’) =~)

… e eis que reencontro um clássico da minha infância:

Quem nunca torceu para o sapo que não tinha dentes, mas escovava a língua? (FOI aqui que descobri que lingua se escova!). Quem não achava a porca rosa uma patricinha e só depois de 10 anos entendeu a ironia?

Quem não riu ao lembrar não teve infância… e quem não chorou ao ver sua filha rir pela primeira vez é um doente sem coração!

Suuuuuuuuceeeeeessssoooooooooooo!

Earworm, traduzindo porcamente, é algum pedaço ou trecho de música que não sai da sua cabeça nem com reza braba.

Vôce passa o dia toooooooooooooodinho que Deus te deu, com a porra da música na cabeça. E o que é pior, você não sabe nem ela completa, é só um pedacinho chato (por muitas vezes errado também).

Essa semana fui acometido desse “verme auditivo”, que causa uma coceira no cerébro que só é aliviada quando eu cantarolo a maldita música.

 

Estou com um CD no carro que tem essa música cantada por Dorgival Dantas, o autor dela se chama Joãozinho do Exú.

“Fazer amor

 com uma vaca magra

que não tenha forças

pra se levantar”

 

A propósito, eu até gosto da música. Mas não gosto quando ela interfere nas minhas atividades diárias sem deixar eu me concentrar em mais nada 😛