Tarrascada do mago: Viagem pelo Tempo

Imaginem uma bola… essa bola muda, altera-se, evolui a cada interferência externa. Por menor que ela seja. Vento, toque, até mesmo o fato de alguem passar por ela e a ignorar ou vê-la parada. Um simples andar do outro lado do mundo, traria mudança de estado para todas as particulas por onde o indivíduo andou, e consequentemente em tudo que se liga a tudo que foi mudado. (ann?? ainda estão comigo?)

Agora imaginem uma forma de fezê-la voltar ao que era antes de qualquer uma dessas interferências. MAS se você a riscou, não é o fato de você apagar o risco que a fará voltar ao seu estado anterior à sua interferência. Se você a jogou longe, não é o fato de trazê-la de volta para onde estava que a trará ao estado anterior.

Até onde isso tem a ver com viagem pelo tempo? ‘Simples’: como você alteraria o estado atual, de qualquer coisa? seja você mesmo ou o mundo em sua volta? Mesmo que você volte pelo tempo, falasse ao seu antigo eu: ‘ei, não faça isso se não…’. Isso traria uma mudança para o seu eu do passado. O problema seria: como você pode chegar à um tempo anterior a este se você, para isso, teria que desfazer toda e qualquer mudança ocorrida em todo o universo e tudo que existe? É por isso que não acredito em viagem no tempo.

Talvez, quem sabe com teorias sobre universos paralelos… que é outra coisa totalmente diferente. xD

e pois é… minha cabeça tbm acaba de ficar assim….